Dueto com Luís Oliveira – Cais da Saudade

Durante o ano de 2020 desafiei alguns músicos para “Duetos à Distância”. Com o objetivo de continuarmos a trabalhar, de forma colaborativa e em união pela mesma causa – A Nossa Cultura – continuando a levar música às pessoas e dar a conhecer talentos da música nacional.

O meu primeiro convidado desta série de “Duetos” é Luís Oliveira, músico de guitarra portuguesa, com o tema “Cais da Saudade“, o primeiro single do meu Álbum “Essência“.

Cais da Saudade – Dueto com Luís Oliveira

Sobre o meu convidado…

Luís Oliveira começou aos dezanove anos como vocalista e guitarrista, tanto a solo como acompanhado ao piano por Sérgio Gomes, a tocar ao vivo em bares de Lisboa, nomeadamente Drogaria Ideal/Bulda’s, Happening, Jardim da Música, Tropicália, Sua Excelência o Marquês, Yellows, entre outros. Ainda durante este período, no início dos anos 80, Luís frequentou a Escola de Jazz do Hot Clube de Portugal, em guitarra, sob a direção do contrabaixista José Eduardo.

Após uma interrupção no seu percurso musical, em 2010 retoma os seus estudos de guitarra e trompete. De 2010 a 2013 fez parte da Banda Filarmónica da SIMPS – Sociedade Instrução Musical Porto Salvo, como trompetista, e de uma Big Band, a BigBand’Hits, como guitarrista.

No início de 2013, Luís inicia os seus estudos de guitarra portuguesa com o guitarrista Carlos Gonçalves, e integra a recém-inaugurada Escola de Fado do Grupo Desportivo da Mouraria, onde teve como professores alguns dos melhores guitarristas de fado de Lisboa.

Em 2014, começou a tocar em algumas casas do Bairro Alto, em Alfama e também em eventos privados.

Em 2015 passa a integrar o espetáculo “Fado Miudinho” como guitarrista, projeto este criado para bebés da autoria de Naná Henriques (voz) e Miguel Alvarez (viola), com sessões que decorreram no Oceanário de Lisboa. Dos mesmos autores, integra também o elenco de músicos de “Fado Reguila” dedicado a crianças a partir dos 5 anos que foi apresentado em escolas e infantários.

Desde então, Luís Oliveira tem vindo a tocar e a acompanhar regularmente inúmeros fadistas em diversas casas de fado em Alfama e, mais recentemente e tão breve quanto possível, podemos ver e ouvi-lo na Bohemia Lx e Bohemia Lx-Sé.

Muito obrigada Luís Oliveira por teres aceitado o meu convite e desejo-te muito sucesso no teu percurso musical.

Este foi o primeiro dueto à distância e que espero ter sido do teu agrado.

Não percas os próximos episódios…

Até lá!

Ana

Share:
Ana Brissos © 2021 - Todos os Direitos Reservados