Dia de Portugal

No mar, tantas vitórias
Sem receios, navegar
Pioneiros, fizemos história
Quantas lutas tivemos de enfrentar

Ana Brissos, “Cais da Saudade” in Essência

Dia de Portugal

Hoje é Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas pelo estrangeiro.

Dia 10 de Junho é uma data que assinala a morte, em 1580, do nosso grande poeta Luís Vaz de Camões, tendo-se tornado feriado nacional a 2 de Março de 1978, pelo Decreto-Lei n.º 39-B/78.
A «emblemática figura do épico genial» torna-se um símbolo de Portugal pela exaltação dos feitos de um povo –  O Povo Português – na sua grande obra “Os Lusíadas”, que retrata alguns episódios dos descobrimentos.

Neste dia celebramos a nossa Pátria, as nossas conquistas, o nosso ADN lutador, a nossa garra e luta pela liberdade, pela justiça e outras tantas.

Pelo menos é isso que quero pensar. Também creio que este ADN ainda se mantém vivo em nós, permitindo despertar uma ação capaz de mudar o país, e até mesmo o mundo, e torná-lo num lugar melhor para viver.
Acreditem que podemos fazer a diferença, mesmo nas mais “Pequenas Coisas” que fazemos no nosso dia-a-dia.

E nesta semana de duplos feriados, quero ver se vou “Viver a Vida” (o meu mote favorito!).
E é desta forma que te apresento o roteiro:

Ver o Mar e apanhar Sol
Passear na Serra da Costa Azul
Apreciar as flores do Campo
No meu paraíso, na Margem Sul

Quero ir de festa em festa
Como nas romarias de verão
Festejar o Santo António,
O São Pedro e o São João.

Venha o bailarico
E a sardinha assada no pão
E num verso de um manjerico
Faço(-te) uma declaração

E neste Dia de Portugal,
De Camões e das Comunidades
É sempre bom recordar,
O nosso Fado e a Saudade!

 

Bem… e por este andar faço uma Marcha para os Santos Populares!
(hummm olha que era uma excelente ideia… vou por na minha “dreams list”)

 

Boas comemorações,

Ana

Share:

Leave a Reply

Ana Brissos © 2018 - Todos os Direitos Reservados